quinta-feira, 4 de agosto de 2016

UM TEMOR DESNECESSÁRIO


Não é nenhum motivo de espanto haver pessoas explicitamente devotas de Satanás. Digo explícitos pois muitos, sem saberem, já são! É uma normalidade nesses tempos, enquanto as pessoas estão se tornando mais amantes de si mesmo, vazios de qualquer reverência ou temor por valores elevados.

No entanto, o que está escrito no adesivo deve fazer disparar o gatilho de "Soldado de Cristo" em muito irmão e incitar a usar todos os mecanismo crentês na chamada batalha espiritual. É óbvio, que o dono do carro acima não é alguém que frequente uma sociedade satânica que deseja destruir o cristianismo e instalar o reino do anticristo na Terra; e sim, alguém com excesso de humor e sabe do comportamento histriônico de boa parte dos evangélicos.

Talvez esse cara sabe que muito crente, ao ver esse adesivo, irá repreender ou orar pelo dono do carro (o ato de repreender é usado de forma supersticiosa por muita gente). Não representa nada para o dono do carro esse mero adesivo, só na cabeça que vive paranoiado em batalhas espirituais intensa no dia-a-dia; onde o próprio fato do irmãozinho olhar sem querer para revistas de nudez em bancas de jornais é considerado uma seta maligna.

É normal ouvir de cristãos dizerem que "não é o adesivo com o nome de Cristo que te fará um cristão", então, basta seguir a regra neste caso também!

Agora, se achar que atrairá forças malignas por apenas ter um adesivo citando o nome do caramunhão; então esse adesivo zombeteiro é direcionado unicamente pra você.

OBSERVATÓRIO DA FÉ

Nenhum comentário:

Postar um comentário