segunda-feira, 15 de agosto de 2016

UM PAÍS INTEIRAMENTE MUÇULMANO E INTEIRAMENTE LIBERAL - AZERBAIJÃO #CURIOSIDADES



O Azerbaijão é uma das primeiras democracias laicas com esmagadora maioria de muçulmanos. Eles são 95% da população sendo o segundo maior país xiita, atrás somente do Irã. Todavia, se trata de uma democracia um tanto ''capenga'', pois tem um partido dominante, de sorte que sem influência religiosa. 

E De fato é laica, porque as mulheres e homens não têm obrigações religiosas de vestimentas, orações e regras comportamentais.


Devido a esses tempos de terrorismo e infiltrações via refugiados, o Azerbaijão aumentou o controle de quase tudo. Há relatos de algumas coerções religiosas com cristãos, Testemunhos de Jeová, e os Hare Krishna. Dos 9 milhões de habitantes, apenas 300 mil são cristãos. 


Durante o nazismo, este país foi bom refúgio para os judeus. Hoje, entre os nações islâmicas, este é o que mais se relaciona amigavelmente com Israel em relação a troca de serviços e tecnologia.


Um símbolo desta nação são os prédios (foto) em forma de chama que evoca sua antiguidade no zoroastrismo - religião que cultuava o fogo.


Essa relativa liberalidade (em comparações com outros países muçulmanos) diz respeito ao fato da maioria do povo azeri serem apenas "muçulmanos culturais" - o que pra maior parte do mundo islâmico significa heresia (pegando o linguajar "crentês", muçulmanos mundanos rsrs).


OBSERVATÓRIO DA FÉ

Nenhum comentário:

Postar um comentário