segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

NEPAL: POLÍTICO EX-HINDU SE CONVERTE AO CRISTIANISMO E LUTA PELA LIBERDADE RELIGIOSA



Nepal, país com 150.000 cristãos (0,6%) foi assegurada a liberdade religiosa 1991 mesmo com a religião do estado sendo o hinduísmo. O proselitismo, ou seja, missões de evangelismo ainda é considerado ilegal (liberdade um tanto restringida).

Devido aos avanços do comunismo, nesse país não há muita diversidade nem a pluralização de conceitos políticos; ainda que se diz "democrático".

No entanto, assim como no Império Romano pagão aparecia senadores ou soldados convertido ao cristianismo e lutando pela defesa da fé, nesse pequeno país situado no famoso Monte Everest, um político chamado Rai Chand - que era hindu e hoje cristão -, começa sua luta pela liberdade religiosa, da verdadeira democracia e direitos humanos.

" Eu venho da comunidade hindu Kirat mas quero anunciar que agora sigo os passos de Jesus e os cristãos"

"Os hindus não deve ter medo para com sua religião", disse ele. "Eles são livres para praticar sua fé e é conveniente que outros grupos possam desfrutar da mesma liberdade."

De acordo com ele, democracia e secularismo são dois lados da mesma moeda. Isso ajudaria a apaziguar muitos conflitos de várias ordens no país, inclusive as religiosas.

Ele ressalta para seus críticos e opositores que não há interesses ocultos na sua mudança de fé, mas sim, através de seu próprio exemplo de vida, mostrar a importância da liberdade religiosa e incentivar as pessoas seguirem a fé de suas escolhas.

Essa conversão, é um enorme passo para muitas portas que podem se abrir para o crescimento cristão nesse país que sempre conviveu com vários problemas; também, para o desmantelamento da hegemonia hindu que domina o país tanto nos bastidores do poder quanto na vida pública.

Fonte em inglês: ASIA NEWS

EZEQUIEL DOMINGUES DOS SANTOS
      

Nenhum comentário:

Postar um comentário