terça-feira, 21 de janeiro de 2014

JEAN WILLYS REPRESENTA VERDADEIRAMENTE OS HOMOSSEXUAIS?


Em um dos debates do Deputado Federal Jean Willys do PSOL/RJ ouvi o mesmo dizer que representa e defende os homossexuais. Pergunto: Representa mesmo?

Algum homossexual pediu a difusão da cultura islâmica no currículo escolar dos brasileiros? Em um país predominantemente cristão por cima?

Uma interessante característica dos políticos de esquerda em todo mundo, é que são quase unânimes em seus apoios e seus desafetos; qualquer ideal é preferível ao capitalismo - nem que seja uma ditadura -, qualquer valor moral é o ideal para dissolver os valores milenarmente construído e consolidado e qualquer religião tem que ser enfiado goela abaixo de todos exceto o cristianismo (porquê segundo eles a religião cristã que prega o amor a Deus e ao próximo, que inventou hospitais e universidades e que civilizou o Ocidente é opressora e genocida).

Então tudo é válido contra os valores judaico-cristão, contra a ordem natural e contra a cultura sólida...até mesmo suas contradições e mentiras.

Muita coisa escrita na PL 1780 de 2011 é verdade quanto a rica cultura árabe-muçulmana, isso não se pode negar, mas também, dizer que existe um sentimento anti-islâmico devido a uma "campanha subliminar e demonização para com os seguidores do islamismo" é chamar todo o povo de pateta!

Os muçulmanos vivem tranquilamente no Brasil sem qualquer casos de preconceito, é inexistente qualquer tipo de islamofobia no Brasil, aliás no mundo! O que existe sim é o repúdio dos extremistas que usam de ataques suicidas, terrorismos e matanças em dezenas de países do Oriente, Norte da África e Ásia Central.

É o mesmo discurso de coitadismo que distorce a realidade; que anuncia um problema inexistente, dá nomes aos bois e envia a solução... perfeita teatralidade!

Se eles desejam realmente promover a cultura de paz e tolerância por que não inclui nos currículos escolares a crescente perseguição as cristãos nos países muçulmanos e comunistas? Por que não falam das centenas de milhares de igrejas que são destruídas, incendiadas além de várias confiscações injustas de propriedades cristãs? Por que não mostram alguma reverência pela religião e cultura que alicerçou fazendo progredir todo o Ocidente além de contribuir pensamentos nobres para os direitos humanos? 

Se existe algum sentimento anti-religioso é contra o cristianismo! No Ocidente é de forma cultural, nos países socialistas/comunistas é de forma judicial e política e nos países islâmicos é de forma física e cruenta. Aí sim deveria haver uma política conscientização para o conhecimento verdadeiro do se passa no mundo.


Agora, fica difícil para os gays ter como representante um próprio da sua turma que deseja infiltrar no Brasil (onde existe pluralidade, tolerância e democracia) uma cultura essencialmente patriarcal cuja experiência histórica (e nos dias de hoje) executam homossexuais sem qualquer piedade... os homossexuais que acordem!!

Fonte: CAMARA DOS DEPUTADOS

EZEQUIEL DOMINGUES DOS SANTOS
  

4 comentários:

  1. A Paz do Senhor meu grande amigo Ezequiel. Grande texto, excelente.
    Tem pessoas que só causam transtornos para serem notadas!
    Um forte abraço para vc meu amigo. Repito, muito bom este teu artigo.
    Pastor Ismael - blog "Aqui eu Aprendi!"

    ResponderExcluir