sexta-feira, 7 de junho de 2013

SEÇÃO - VISÃO OU SONHO? (PARTE 2)

Muitas pessoas, sejam cristãs ou de outras religiões já alegaram ter sido “avisadas” antes de acontecer algo ruim; sejam através de sonhos, visões ou sinais externos que atribuem à manifestação sobrenatural em seu favor. Já vi casos que; sem que a pessoa saiba, sonha com seu ente querido doente e necessitando de ajuda, e quando vai visitá-lo encontram da forma que sonhou, também a mesma coisa em casos de morte, casos em que mães têm “pressentimentos” que algo vai acontecer com seus filhos e acaba acontecendo; todos têm coisas semelhantes a essas pra contar.
Penso que independentemente do credo pessoal ou estando no caminho errado – ou mesmo sem caminho- pessoas possam ter suas almas tocadas como meio de prevenção antes que surjam situações inesperadas. Está escrito em Eclesistes 3:11 que Deus pôs a eternidade no coração humano, essa assim chamada eternidade, é a essência dentro de nós que tem certa percepção do sobrenatural, da transcendência; haja vista, qualquer ser humano por mais incauto e primitivo que seja, adoram algum tipo divindade (até mesmo ateus divinizam alguma coisa sem saber); esse é o lado espiritual, o sopro divino dentro de cada humano que faz aspirar por algo superior que cuida, ama e que dá sentido de vida para cada um; por isso eu julgo que quase todos são suscetíveis a esses tipos de manifestações, o que muitas vezes chamamos na conhecida forma de “intuição”.
Quanto a mim – não que eu seja um sensitivo ou um clarividente – mas na minha juventude, sempre que ia surgir algum tipo de provação (na área das tentações) me vinha sonhos com serpentes; era sempre da mesma forma, sonhava e aconteciam coisas que só o homem espiritual pode entender.

Certa vez sonhei que estava numa casa desconhecida e no meio da sala tinha uma árvore; quando de repente, começou a entrar várias cobras em todas as partes; fiquei desesperado, pois não tinha pra onde ir, foi quando surgiu na árvore uma enorme cobra negra (estilo anaconda) como se essa fosse o comandante das milhares de cobrinhas que estavam na sala da casa; durante o sonho era essa a imagem que eu tinha da cobra gigantesca: de que era o “manda-chuva” de todas; foi então que do nada comecei a repreender o enorme réptil em nome de Jesus que então começou a se secar e morrer, quando o grande começou morrer todos os pequenos automaticamente foram perdendo a vida, como se a anaconda negra fosse o sustento de todas. Acabou a aflição e eu acordei; pelo menos nesse; se foi uma alerta, no final mostrava que havia de ter vitória diante da situação!
Noutra vez eu era mais novo, e não teve um final lógico, apareceram duas najas do meu tamanho (1,81 m) se não me engano de olhos vermelhos, eles estavam eretos na minha frente e queria a todo custo que eu olhasse para eles, eu virava o rosto mas esses bichos faziam de tudo para permanecerem na frente pra que tivesse contato visual com eles; era desesperador e não sabia o que fazer, ficavam com as línguas pra fora iguaizinhos àqueles que são encantados por flautas e saem do cesto. A única coisa que gostei nisso é que  parecia que eles desejavam me atacar e não era permitido, mesmo estando tão perto a ponto de lamber meu rosto, ufa !
É interessante a analogia “sonambulante” com a conhecida serpente de Adão e Eva, porque depois desses sonhos (ou visões) aconteciam as provas que também exigiam escolhas onde meu intelecto tinham que sobressair em detrimento de meus impulsos e emoções.
Seja o que for, Deus sabe como falar com cada um; Ele conhece todos os nossos processos de cognição e se nós entenderemos ou não; até mesmo se ficaremos na dúvida como eu, porém eu pendo mais pelo lado espiritual devido a todos os acertos e da maneira que fica impregnado em minha mente, no qual produzia frutos de vigilância o que me fazia buscar mais o auxílio de Deus,  também obtive um pouco mais de capacidade de análise da minha própria estrutura como fraquezas, inclinações e potenciais de superação. Tive muitas outras semelhantes a essas, mas só relatei aqueles que lembravam perfeitamente os detalhes e também pra não ficar mais extenso do que já está; quanto ao fato de ser visão ou sonho...seja o que for, foi muito útil como aprender a pensar sobre mim mesmo.

EZEQUIEL DOMINGUES DOS SANTOS

3 comentários:

  1. Boa Noite Ezequiel
    Obrigado pela visita e comentário em Figuras da nossa terra de Lidacoelho.
    Gostei do teu artigo mas penso que devemos analisar bem cada situação e sabermos o que é sonho ou as lições que podemos colher.
    Muitos dos nossos sonhos são fruto das nossas preocupações ou das nossas vivências diárias.
    Existe uma preocupação que me ajuda a viver melhor o respeito por todas as pessoas e o temor de Deus. Não Temor - medo, mas muito amor.

    ResponderExcluir
  2. Paz! Obrigada por ter visitado meu blog,e parabéns! Seu blog está maravilhoso, gostaria de fazer parceria com vc.
    http://gospelcards.blogspot.com.br
    Tenha uma ótima noite!

    ResponderExcluir
  3. Certa vez numa aula de psicologia eu vi a professora falando que nosso inconsciente quer sempre interferir no consciente e é através de sonhos que ele vai fazer de tudo pra que ocorra essa interrupção, por exemplo: não queremos viver na pornografia, masturbação... a nossa mente sempre jogará momentos em que estamos nos envolvendo sexualmente. Queremos sair da bebedeira, drogas.. a mente através de sonhos vai nos induzir a nos lembrar de como era prazeroso, nosso corpo vai sentir uma reação positiva a isso e ai é quando acordamos cheios de vontade, mas temos que saber que Deus está conosco e entregarmos a Ele todas as nossas vivências pessoais e até aquelas que parecem simples, como um sonho qualquer que pode parecer besteira, mas que através dele podem surgir grandes abismos.

    Esse assunto é bem interessante ;)

    ResponderExcluir