sábado, 15 de junho de 2013

EXTREMISTAS RELIGIOSOS AFRICANOS

                                           Igreja da Nigéria destruída por grupos radicais islâmicos

Cada vez mais o continente africano está ficando turbulenta com o crescimento de grupos extremistas religiosos que querem mudar o status quo onde vivem para a institucionalização de suas religiões particulares com eliminação de qualquer oposição.
Três grupos terroristas são os mais conhecidos e perigosos no continente:

                                                                 Al-Shabaab
  • Al-Shabaab: Grupo jihadista formado na Somália que pretende por meio do braço armado implantar a Sharia nesse país, eles sempre estão em combate com as tropas no Sul da Somália e Norte do Quênia. Como todo grupo terrorista que deseja chegar ao poder, usam como estratégia a convulsão civil por meio de sequestros de turistas, impedimentos à ajuda humanitária internacional e assassinatos até de compatriotas; em Kampala eles mataram 79 pessoas em um bombardeio.

                                                Kony- Líder do Exército de Resistência do Senhor
 
  •  Exército de Resistência do Senhor: É o braço armado de uma vertente cristã radical e violenta formada para proteger o povo Acholi, purificar Uganda e derrubar o governo. Seus objetivos não tiveram muitos sucesso, assim começaram a atuar nos países do Congo e Sudão. Ler sobre Kony.
 
                                                          Guerrilheiros da AQMI
  • Al-Qaeda no Magrebe Islâmicos (AQMI): Formada na Argélia, é um grupo extremista muçulmano da corrente sunita e estão militando em todo o Norte da África. Uma ramificação da AQMI recém-formada tem começado a realizar ataques em Sub-Saharan na África Ocidental.
                                                      Boko Haram- Nigéria
  • Boko Haram: Esse é o grupo terrorista mais ativo do planeta. Eles bombardeiam igrejas e instalações de segurança e tem uma agenda de expansão em toda África; o grupo não medem esforços para "varrer" do mapa todos os infiéis (não islâmicos) ao seu redor.
Entre esses quatro grandes grupos terroristas, o Exército do Senhor se declara cristã, todas elas são herdadas de confrarias ultra-zelosas fundamentalistas que se cansaram do colonialismo e querem afastar toda influência externa que possam ferir seus conceitos religiosos.

Grupos como esses, recebem muitos "incentivos" dos poderosos Califas e até têm ligações com grupos fora do eixo Árabe-africano; têm discursos anti-imperialistas, anticristãs (até mesmo o Exército do Senhor pois não representa o cristianismo) e antidemocracia.

A comunidade cristã africana está vulnerável a esses grupos por não terem proteção suficiente da polícia  por causa da descentralização dos ataques e a ineficiência desses Estados em protegê-los. Não há qualquer chance de pacificação entre cristãos e muçulmanos nesses lugares assim como no Oriente Médio.

Fonte em inglês: AFRICA RELIGIONS NEWS 

EZEQUIEL DOMINGUES DOS SANTOS 
 












4 comentários:

  1. Olá Ezequiel vim retribuir a sua visita e estou surpresa de achar vc,pois procuro um lugar assim que me informe e me fale a verdade do que está acontecendo,vou passar o seu link para meu esposo ele trabalha com missões e sei que vai amar esse seu cantinho.Que o Senhor continue te abençoando grandemente nesta tua caminhada!Sê valente varão valoroso,bjsss amado!http://katylhora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paz Katylane, obrigado pela retribuição. Um de meus propósitos é divulgar informações que a grande mídia não mostra.
      Que Deus abençoe grandemente seu trabalho. :) http://www.ezequiel-domingues.blogspot.com.br/
      Ezequiel Domingues dos Santos

      Excluir
  2. Oie!!!
    Estou retribuindo a visita no meu blog através.....através do Blog Adenga dos blogs!!! Já estou seguindo vc tb!! Obrigada pela visita!
    =)
    Bjos

    ResponderExcluir
  3. Oi ezequiel vim retribuir a visita, nuito interessante o seu blog. Gostei muito.

    Conversas de Alcova

    ResponderExcluir