sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Santos pagões




 
                                               Santa Gilda
Durantes os séculos a igreja católica vem canonizando as pessoas, atribuindo milagres que os mesmos tenham realizados, mais tem pessoas que transforma qualquer pessoa em santo, é o caso de Gilda, uma cantora argentina que morreu em 1996 em um acidente de ônibus, ou o caso de Jesus Malverde no México que acabou se tornando idolatrado pelos narcotraficante, ou ate um santo que foi criado em uma universidade como o san honesto.

                                             
                                                        Imagem San Honesto

                                                        
                                            
                                                     Imagem Jesus Malverde
O apóstolo Paulo nos fala em 1 Coríntios 10:14 “Portanto, meus amados, fugi da idolatria”

   

                                    Gauchito Gil ( Argentina/Uruguai)

Antonio Gil ou Gauchito Gil nasceu na cidade de Mercedes, Provincia de Corrientes na Argentina em 1830, ele era um lavrador, ele foi recrutado para lutar pela tríplice aliança pelo partido autônomo, no qual desertou e foi condenado a morte, diz a lenda que antes de morer Gil falou ao seu carrasco, que fizesse uma oração em seu nome e seu filho iria ser curado, pelo seu sangue que era inocente que ia ser derramado, seu carrasco fez a oração e seu filho ficou curado, em agradecimento o carrasco construiu em seu tumulo um santuário. seu tumulo esta localizado a 8km de Mercedes e recebe milhares de devotos principalmente dia 8 de janeiro dia da sua morte.


  

                                                    Santa Muerte (Mexico)


A Santa Morte é uma figura mexicana de veneração que combina elementos do catolicismo com o culto pré-hispânico aos mortos que, segundo diversos pesquisadores, é decorrente dos povos indígenas que adoravam um esqueleto ao qual chamavam Santa Morte em um povoado do centro do país; há testemunhos de que este culto permaneceu oculto nos últimos dois séculos.


                                    

                                                 Edmar Delgado da Rosa
                                             edmar_delgado@ig.com.br




Um comentário:

  1. Hoje todos somos santos e demónios. De que lado estamos pelo bem que fazemos ou pelo mal que também vamos aceitando...?

    Ser santo é ser bom durante a vida e fazer boas obras. Milagres só são possíveis a Deus.
    Depois de mortos todos são bonzinhos...

    ResponderExcluir