sexta-feira, 9 de março de 2012

Toda humanidade veio de um só casal?




Muitos que estudam as Escrituras  começam a questionar a veracidade das palavras contidas na Bíblia ao ver o relato da criação da humanidade a partir de um só casal e a observância de diversos tipos de etnias e culturas.

Colocarei aqui quatro argumentos apresentados por Strong aliançado com o consenso de estudiosos no assunto a respeito da unidade da raça.

1)      A partir da História: Até onde se pode delinear a história das nações e tribos nos dois hemisférios, a evidência aponta para uma única origem e um só ancestral na Ásia Central.
                       Reconhece-se que as nações europeias vieram de Ásia em ondas migratórias. Os etnólogos modernos geralmente concordam que as raças de índios da América derivam de fontes mongólicas da Ásia Oriental, da Polinésia ou das Ilhas Aleutas.


                 2)      A partir da língua: A filologia comparativa aponta para uma origem comum de todas as mais importantes línguas e não fornece nenhuma evidência de que as menos importantes também não sejam derivadas.


               3)      A partir da psicologia: A existência de características mentais e morais comuns entre as famílias da humanidade evidenciadas em máximas comuns, tendências e capacidades na predominância de tradições semelhantes e na aplicabilidade universal de uma filosofia e religião, explica-se mais facilmente com base na teoria de uma origem comum.


4)      A partir da fisiologia: É juízo comum entre os fisiólogos que o homem é uma só espécie. As diferenças que existem devem ser consideradas como variedades dessa espécie. Como prova dessa afirmação argumentamos:

a)      As inúmeras gradações intermediárias que estabelecem conexão entre as assim chamada raça uma das outras.

b)      A identidade essencial de todas as raças características cranianas, osteológicas e dentais.

c)      A fertilidade de uniões entre indivíduos dos mais diversos tipos e a continuada fertilidade do produto destas uniões.

Os motivos que provocaram as diferenças existentes entre as raças como cor, forma de rosto e cabelos são motivos de fatores climáticos e ambientais, visto a grande capacidade humana de se adequar ao ambiente.

Por fim temos uma lógica descrito e abalizado com pesquisas de cientistas nos respectivos assuntos, podemos acrescentar as muitas descobertas arqueológicas no Oriente Médio e regiões aproximados das primeiras grandes civilizações que só vieram a confirmar o que já temos em mãos através da maior riqueza literário – histórica influenciadora da humanidade que é a Bíblia Sagrada que diz que “de um só fez toda a raça humana para habitar sobre a face da terra “ Atos 17:26.



                                                      Ezequiel Domingues dos Santos

2 comentários:

  1. O Fato é: A Bíblia sagrada é a Palavra de Deus, é a verdade! Texto interessantíssimo Ezequiel. Vou até usar as fontes em uma de minhas pregações! hehehehe PARABÉNS PELO BLOG! Deus lhe abençoe irmão!

    ResponderExcluir
  2. Muito Bom Ezequiel, porém eu tenho dúvidas em algumas questões como vc bem sabe. Mas como disse anteriormente, se minha visão biblica estiver equivocada não terei problema em admitir. Fica com Deus. ;)

    ResponderExcluir